HOMENAGEM PÓSTUMA ÀS MÃES NO CASAMENTO

O Dia das Mães está chegando e hoje vou falar de um assunto bem delicado que as noivas sempre me perguntam: como fazer uma homenagem póstuma no casamento, para honrar aquela que sempre estará presente em espírito, a mãe do noivo ou da noiva.

A primeira sugestão é trocar no convite a expressão “in memoriam”, que em latim significa “em memória” ou “em lembrança”, que vem ao lado do nome da falecida, por frases mais carinhosas, como “sempre presente”, “para sempre na memória”, “no coração” ou até usar o próprio símbolo “♥”.

Outra linda maneira de lembrar as mães que já se foram é com fotografias. Você pode decorar um canto especial na festa para essa função e junto às fotos, pode dispor outros itens como a santa de devoção ou um arranjo de sua flor favorita. Também pode colocar mensagens em molduras bonitas, lembrando as que já se foram.

Uma bela homenagem é deixar um lugar reservado para a mãe na cerimônia do casamento. Você pode colocar uma foto, um artigo pessoal ou arranjo de flores no local que seria dela.

A noiva ou o noivo carregar algo que pertencia à mãe, como a aliança ou ainda incluir fotos aos seus trajes, são opções bem mais discretas e pessoais. Para as noivas que perderam as mães, carregar um retrato no buquê é uma ótima forma de tê-las por perto enquanto entram na cerimônia.

O mais importante é conversar com a família e pensar em formas particulares e que não prejudiquem o momento. Já é muito difícil conviver com essa dor e qualquer uma dessas homenagens devem ser feitas para lembrar a mãe com alegria e não provocar mais sofrimento nesse dia, em que as emoções já estão afloradas. Noivos muito emotivos, que ainda estão muito abalados com a perda devem pensar bem antes de optarem por qualquer opção dessas. De qualquer forma, independente da homenagem, o importante é ter as mães em mente e no coração.

Fotos: reprodução

 

Compartilhe este post:
Facebook Twitter Digg Delicious Tumblr Plusone Email
Dicas Especiais - Tags: , ,