CHEGOU A HORA DE CONVIDAR OS PADRINHOS!

Olá,

Escuto muitas perguntas dos noivos sobre como fazer o convite aos padrinhos, e ainda quando e quantas pessoas convidar. Uma coisa é certa, não existe uma regra, um “tem que ser assim”. O que vale é o bom senso e algumas formalidades, afinal este é um momento especial e muita informalidade pode ser deselegante!

Existem muitas maneiras simples, charmosas, práticas e super carinhosas de convidar seus padrinhos e você deve escolher aquela que vai se sentir mais à vontade. O importante é que o convite deve ser feito pessoalmente, nunca por telefone, correio ou e-mail, a não ser quando os padrinhos moram numa cidade distante e não está previsto encontrá-los antes do casamento ou quando residem em outro país.

Você pode visitar um a um, ou fazer um encontro coletivo na sua casa, numa pizzaria, num barzinho ou numa churrascaria. O que importa é que os padrinhos sintam que seu convite é especial!

Acho um jantar informal uma idéia interessante para fazer o convite e na oportunidade expressar a todos o quanto são importantes para os noivos. Se forem pessoas que não se conhecem entre si e muito diferentes, marque encontros isolados ou em grupos e transmita o convite da mesma forma.

O ideal é convidar os padrinhos com no mínimo 6 meses de antecedência, pois assim eles podem se programar e também envolver com os preparativos. Não tem problema se não quiser convidar com este prazo, mas faça pelo menos 3 meses antes para não correr o risco da pessoa ter marcado outro compromisso na data.

Pesquisando sobre o assunto descobri que o ato de convidar padrinho vem dos antigos saxões que escolhiam o guerreiro mais forte para estar perto dos noivos, pois caso acontecesse um ataque de rivais, este poderia ajudar a defender a noiva. Atualmente, o critério de escolha deve ser a afetividade, pessoas que acompanharam de perto a  trajetória do namoro ao casamento e  que torcem pela felicidade dos noivos. É a ocasião para homenagear parentes e amigos queridos que tenham feito a diferença na história do casal.

Devem ser escolhidos casais ou pares, e se a pessoa for casada, é de bom senso que seu par seja o marido/esposa. Cuidado para não causar desconforto e constrangimento nas pessoas! Ao escolher uma amiga solteira com um amigo que tem namorada (ou o contrário), expresse a sua intenção na hora do convite – “Ficaremos muito honrados em tê-lo como padrinho do nosso casamento juntamente com a nossa amiga fulana de tal”.

Um detalhe importante é já ter uma programação mínima do casamento – data, hora, local, antes de convidar os padrinhos. Decisão sobre os trajes, como por exemplo, cor do terno e gravata dos padrinhos, comprimento e cor da roupa das madrinhas, também já deve estar tomada, pois as madrinhas principalmente poderão fazer perguntas.

Outra dúvida que muitos noivos têm é sobre a quantidade de padrinhos, tanto para o casamento civil quanto religioso, Mais uma vez não existe uma regra, valendo o bom senso e o cuidado para não exagerar!

Para casamento realizado na igreja é preciso verificar com antecedência o espaço disponível principalmente depois que a decoração estiver pronta, porque não há nada mais deselegante do que os padrinhos amontoados no altar ou nos bancos. Se for realizar o casamento em outro espaço como um buffet, vale a mesma regra da igreja.

Para o casamento civil uma boa opção é convidar no máximo 2 ou 3 casais para cada lado, mas se for realizado no próprio cartório, um casal de padrinhos de cada lado é a escolha mais acertada.

Finalmente, lembramos que é muito gentil e elegante os noivos convidarem os padrinhos na volta da lua-de-mel para um almoço ou jantar na casa nova. É uma maneira de agradecer a amizade e a atenção dos padrinhos com o casal.

No próximo post vamos continuar falando sobre como convidar os padrinhos, com sugestões que farão toda a diferença! Confira.

Foto: Google imagens.

 

Compartilhe este post:
Facebook Twitter Digg Delicious Tumblr Plusone Email
Planejamento - Tags: , ,

INSPIRAÇÃO VINTAGE

OLÁ,
Hoje vamos falar da decoração vintage que é um estilo charmoso e elegante para cerimônia e festa de casamento. Mas afinal, o que é um casamento vintage?

Vintage nada mais é do que uma releitura do antigo, um estilo com inspiração em décadas passadas, desde os anos 20 até os anos 60/70. A composição do ambiente e do clima depende de muitos detalhes, que quando bem feita deixa a decoração linda e aconchegante. O resultado parece um filme romântico antigo!

Laços, rendas, flores delicadas e objetos “retrô” são alguns dos sutis detalhes que compõem o estilo. E a predominância dos tons pastéis faz a decoração vintage combinar mais com casamentos diurnos, especialmente os realizados em ambientes abertos.

Agora o mais importante! Para fazer um casamento vintage, você precisa “ter” este estilo, tem que ter harmonia com sua personalidade. Não adianta achar lindo, ou seguir a tendência que está em alta, pois o resultado será um desastre.

Mas se o estilo retrô é a sua cara, crie o clima vintage na decoração do seu casamento e conquiste os convidados. Vai ser um sucesso, na certa!

E para inspiração selecionei algumas fotos. Vamos lá!


Delicadas toalhinhas de crochê, paninhos bordados, porcelanas antigas, vidros coloridos, fitas, renda, laços e flores, muitas flores principalmenteem tons pastéis. Esses são alguns itens que fazem com que os convidados sintam-se nos anos 20. Confiram!
Ambientes abertos e casamentos diurnos com decoração vintage.

Objetos antigos, castiçais, cachepôs, molduras, compõem o ambiente vintage.
Os móveis antigos ou em estilo rústico também são importantes para dar “uma cara” vintage ao ambiente.
E aí, gostou da idéia??? Eu adorei os detalhes….
Fotos: sites: weddingchicks e pinterest.

 


Compartilhe este post:
Facebook Twitter Digg Delicious Tumblr Plusone Email
Decoração - Tags: , ,

VESTIDOS DA COLEÇÃO OUTONO/INVERNO 2012 PARA MADRINHAS E CONVIDADAS

Olá,

Dê uma olhada nos lindos modelos que selecionei das passarelas da 9ª edição do Minas Trend Preview que aconteceu em Belo Horizonte no mês de outubro de 2011.

O evento lançou as tendências da próxima temporada outono/inverno 2012 do setor de moda e acessórios que servem de inspiração para vestidos de madrinhas e convidadas para casamentos nos meses frios.

Cores sóbrias, brilho, transparências, plumas e paetês foram constante na passarela e para refrescar a cor preta, uma das principais tonalidades usadas no inverno, os estilistas misturaram texturas marcantes e detalhes metalizados. Foram destaques também os vestidos mais curtos.

Vamos conferir!
Elegante vestido da Mabel Magalhães que pode ser usado por convidadas mais ousadas, mas que correm o risco de ofuscar o vestido da noiva. A transparência pode ser evitada ganhando um forro nude e as mangas compridas compõem o look para os dias frios.

O vestido discreto de Victor Dzenk é mais uma opção para convidadas. Não é indicado para madrinhas pela cor preta ser considerada muito sóbria para o altar.

O look da Di Bella possui modelagem e brilho discretos e uma estola ou casaco elegante podem ser jogados sobre os ombros para não passar frio. Ótima opção para madrinhas.

Para casamento em lugares muito frio aposte em vestidos brilhantes de boa modelagem e jogue por cima dos ombros um casaco elegante.

Vestido com bordado requintado sobre saia transparente traz elegância para as madrinhas. Modelo da coleção da Vivaz.

A silhueta de anos 20 é uma tendência marcante para o outono/inverno 2012. Aposte em brilho, bordado, transparência e mangas ¾ para escapar do frio. Modelo para convidadas que mesmo o casamento sendo à noite não tem a obrigatoriedade de usar um vestido longo.

Mais um vestido com inspiração nos anos 20, com modelagem tubular e bordados de correntes de canutilhos. Um tricô com franjas compôs o look para o inverno.

O casaco de Samuel Cirnansck é uma ótima opção para convidadas que não querem passar frio. A cor clara, as aplicações de penas (ou plumas) e o bordado criam uma composição bem sofisticado para um casamento. 

Vestido nude da Vivaz tanto para madrinhas como para convidadas. O look tem mangas compridas, decote com transparência e bordado brilhante e é uma boa dica para ser usado em dias frios. 

Outra opção da Vivaz de vestido de manga comprida que pode ser usado por convidadas de um casamento em dia frio. O visual de passarela pode ser transformado substituindo a transparência da saia por um forro com tecido que não mostre a pele. 

Vestido de malha brilhante e mangas ¾ da GIG é uma opção para convidadas de casamentos não muito formais e que abriga do frio com elegância. O decote em “V” e recorte na cintura afinam a silhueta.

O trabalho artesanal da Áurea Prates  deixou o vestidinho preto mais interessante. Outra opção elegante para casamentos não muito formais.

Este pretinho básico com aplicações de taxinhas pontudas douradas foi o vestido apresentado no desfile de abertura do Minas Trend Preview e é uma boa opção para quem não quer perder a elegância ou passar frio. Mas cuidado! Em casamentos a minissaia deve ser usada com cautela mesmo pra quem tem pernas bonitas.

Lindos vestidos não? Na próxima estação madrinhas e convidadas vão literalmente “brilhar”!
Fotos: Bolfotos
Compartilhe este post:
Facebook Twitter Digg Delicious Tumblr Plusone Email
Moda - Tags: , ,